Nossa história como nômades digitais

Olá ! Bonjour ! Hello ! Hola !

Somos Renato (Rio de Janeiro, Brasil) e Michaël (Lille, França). Juntos desbravando todas os desafios que uma vida em constante movimento tem para oferecer. Decidimos deixar nossa casa fixa e renunciar a posse para viver na estrada como nômades digitais. Sempre fomos apaixonados pela viagem, mas foi em 2016 que decidimos viver uma vida 100% nômade digital. Não estávamos mais satisfeitos com o conforto de uma vida sedentária.

nômade digital
Nomades digitais

Viver como um nômade digital é abraçar a aventura!

O nomadismo era óbvio para nós. Cansados da cultura do consumismo e do materialismo, há algum tempo aspiramos a um estilo de vida minimalista, baseada na experiência, na descoberta e no compartilhar.

Nos últimos 10 anos, nossas várias viagens têm pontuado nossas vidas e passamos metade do ano em busca de novas aventuras. Graças ao desenvolvimento de novas tecnologias, poderíamos combinar o útil com o agradável e finalmente nos libertar das amarras de um estilo de vida sedentário.

2016, a decisão foi tomada, íamos nos tornar nômades em tempo integral…

Hoje, somos nômades digitais e nossa casa é o planeta.

O primeiro passo para qualquer nômade digital é desapegar! Portanto, tivemos que nos livrar de nossos móveis, nossos apartamentos e tudo o que nos impedia de viver livremente – com o coração e a mala leves! Garantimos que caber toda a sua vida em uma mala de 30 quilos não é fácil. Para nós foi uma sensação vertiginosa, emocionante e libertadora ao mesmo tempo. Um sentimento confuso misturado com a certeza estimulante de que novas possibilidades finalmente estava se abrindo para nós.

Ao contrário da crença popular, não estamos de férias 365 dias por ano. Não, não e não de novo…

Trabalhamos todos os dias. A única diferença de nossa vida anterior é que agora trabalhamos em um espaço de coworking ou em coliving.

Ou seja, nosso posto de trabalho entra em uma mochila e atravessa os mercados flutuantes de Bangkok, desembarca no porto olímpico de Barcelona e se adapta ao sol do Rio de Janeiro. Contanto que tenha um bom Wi-Fi!

Sawadee-ka !

Passagem de avião no bolso para Chiang Mai! A capital mundial do nomadismo digital.

Vivemos lá por vários meses para entender as necessidades e expectativas dos nômades digitais ao redor do mundo.

Neste vídeo, condensamos nossas melhores memórias da Terra dos Mil Sorrisos:

Nomadismo digital: a escolha da liberdade

No início, essa escolha de vida pode ser confusa. Na verdade, é o oposto de todos os valores ensinados por nossos pais. Ser um nômade digital é recusar a bela casa com jardim nos subúrbios parisienses e um labrador obeso. Cuidado, não condenamos as pessoas que aspiram à paz, à calma e à estabilidade. Queremos apenas mostrar que existe outra forma de viver – e que a felicidade não vem de comprar uma casa ou um carro 0Km.

No dia em que decidimos fazer mais do que uma viagem de avião só de ida, um peso caiu de nossos ombros. Nervosismo, excitação e impaciência se misturaram em um turbilhão feliz que hoje nos define bem!

Frequentemente, as pessoas nos perguntam onde moramos. No início, não sabíamos realmente o que dizer, já que morávamos em todos os lugares e em nenhum lugar ao mesmo tempo. Hoje nos esquivamos com um sorriso e explicamos em poucas frases do que se trata o nomadismo digital.

Às vezes nos deparamos com incompreensões, porque nosso modo de vida é diametralmente oposto ao que a sociedade nos incentiva a adotar … Mas, atenção, muitas vezes envolve um pouco de inveja.

O Planeta Nomad nasceu da necessidade de deixar de lado o sistema que pensamos ter que seguir por muitos anos. Esse sistema ditava o que fazíamos e o porque acordávamos todas as manhãs. O materialismo é indiscutivelmente é o seu maior patrimônio.

A liberdade geográfica nos traria experiências mais positivas!

Destinos mais visitados pelos nomades digitales

A viagem só de ida dos nômades digitais

Desde o início da viagem, a escolha dos destinos teve que atender a 5 critérios essenciais:

  • segurança
  • natureza
  • clima
  • conexão rápida de internet para o trabalho
  • qualidade de vida

A vantagem do nomadismo é que temos a oportunidade de descobrir lugares fora dos caminhos conhecidos pelo turismo de massa.

Nossas viagens são lentas. Aproveitamos para conhecer e interagir com a população local. Não é incomum organizarmos jantares ou festas com amigos que encontramos na estrada. Inclusive participamos de uma viagem em grupo de nômades digitais … Isso sem falar nas novas colaborações profissionais que surgem no contato com outros nômades digitais.

Mude seus hábitos

Tornar-se um nômade digital mudou radicalmente nossos hábitos. A rotina de nossas vidas sedentárias não existem mais. Pode parecer maravilhoso, mas também apresenta alguns desafios. Por exemplo, a rotina de trabalho desaparece e pode criar alguns problemas. Por sermos nômades digitais, trabalhamos diariamente e não nos permitimos muito tempo para descansar. Estar em uma jornada permanente nos tornou mais produtivos, mais inspirados e mais criativos.

No entanto, um dos hábitos mais difíceis de manter durante a viagem é a atividade física. Não é fácil manter a consistência na prática esportiva. É por isso que hoje praticamos corrida e natação. É fácil fazer isso em qualquer lugar do mundo.

Sempre tentamos nos adaptar à vida local. Em algumas cidades, a vida começa mais tarde e em outras mais cedo. Para nós, a adaptação a essas mudanças é fundamental para a compreensão da cultura local, mesmo que muitas vezes tenha um impacto direto em nossos hábitos. Além disso, essa mistura cultural em nossas vidas é uma das coisas que mais amamos no nomadismo.

O nomadismo implica a aceitação de um estilo de vida minimalista. Viver com o básico e saber como ficar satisfeito com ele.

Desapegar do que é material

Após decidir pegar a estrada, a primeira coisa que encontramos foi uma nova experiência minimalista. Tínhamos que nos livrar de nossos bens: vender tudo e dar tudo.

Esse processo não foi tão fácil quanto o esperado e acabou sendo o primeiro grande desafio que enfrentamos. Por muito tempo, a sociedade consumista nos influiu que devemos nos identificar por meio de nossos bens (casa, roupas, etc.). No entanto, quando você olha duas vezes, não são as coisas materiais que nos definem como indivíduos.

O desapego é um exercício diário até você perceber que quase tudo o que você possui é inútil. Hoje a nossa vida está contida em duas malas e vamos muito bem (as costas também!). Quando dizemos isso, queremos dizer que tudo o que possuímos (incluindo nosso negócio) pesa 30 quilos.

Economize dinheiro, saiba contar e prever riscos …

Mudanças também estão ocorrendo na vida financeira. Você precisará abrir uma conta bancária internacional para evitar cobranças bancárias exorbitantes. E seguir escrupulosamente as despesas diárias.

Antes de deixar tudo, planejamos os primeiros 6 meses de estrada para lidar com imprevistos. Essa fase é fundamental, pois a segurança financeira torna a viagem mais tranquila e segura. Também foi necessário escolher um bom seguro de viagem.

Sempre recomendamos optar pelo nomadismo somente quando a renda mensal for garantida por meio do trabalho remoto ou online. Outra solução é se tornar um empreededor online.

Seremos claros sobre o nomadismo digital!

Ser um nômade digital é como estar de férias o tempo todo?

A resposta é não! E mesmo que em nossas malas, temos muitas histórias de viagens para contar. Estamos sempre em busca de novos destinos, novas experiências e autoconhecimento.

Os lugares por onde passamos transformaram nossas vidas, é verdade … Mas não deixamos nossas carreiras e nossos projetos para trás. Nosso sucesso foi converter nossa paixão por viagens em um estilo de vida excepcional.

Claro, existem pessoas que viajam sem se preocupar em ganhar uma renda. Mas este não é o nosso caso. Na verdade, a maioria dos nômades digitais trabalha muito mais do que quando eram sedentários.

Esse é, sem dúvida, o destino dos pioneiros!

nomade digital

Qual é o maior desafio do nômade digital?

O nomadismo envolve muitos desafios, principalmente porque esse modo de vida ainda é pouco conhecido pela sociedade. Embora exista agora a possibilidade de se tornar um E-residente na Estônia, muitos serviços não estão preparados para pessoas que não têm uma base fixa. Pode ser um pouco estranho às vezes, nós garantimos. Portanto, não devemos procrastinar com o que nos dá equilíbrio.

Quando digo procrastinação, quero dizer, de várias maneiras, que trabalho e atividade física são tudo. Porque viajar todos os dias é experimentar algo novo a cada momento.

Isso pode levar alguns nômades a fazer escolhas erradas, adiando para amanhã o que precisa ser feito hoje. Finalmente, trabalhar de forma independente é bom, mas é difícil saber quando parar para descansar.

Muitas vezes descobrimos que passamos várias semanas em frente ao computador sem tirar um dia de folga. Hoje, encontramos soluções e estamos nos estabelecendo em um ritmo de trabalho mais razoável. Mas no começo foi um pouco difícil…

Ser um nômade digital significa viajar o tempo todo?

Quando falamos sobre nomadismo, muitas pessoas pensam que viajamos o tempo todo. Em nosso caso e com a maioria dos nômades digitais que conhecemos, isso não é verdade. Viajar de um lugar para outro pode parecer ótimo, mas requer tempo e preparação. Viajar é físico! Sem falar que encontrar acomodação e reservar transporte leva tempo. Na verdade, viajar diminui nossa produtividade no trabalho.

É por isso que mudamos para outro local em média a cada 3 ou 6 meses. Tudo depende do clima, da nossa carga de trabalho, da disponibilidade de acomodação para morar, etc. Ficar em um lugar por menos de um mês é difícil de conseguir quando você é um nômade.

Você precisa ser rico para se tornar um nômade digital?

Muitas vezes ouvimos que as viagens se tornaram democratizadas, e isso não é um mito. Se compararmos o custo de vida em uma grande cidade com os destinos adequados para um nômade digital, é óbvio.

Vemos que é possível viver muito bem gastando muito menos do que numa vida sedentária na França metropolitana. Portanto, é errado acreditar que uma pessoa que viaja precisa de muito dinheiro.

Viagens lentas são muito econômicas, especialmente se as datas da viagem forem flexíveis. Fazemos questão de escolher nossos destinos na baixa temporada. As passagens aéreas são mais baratas, assim como os serviços. Sem falar que a população local é mais aberta ao comércio quando não é “aglomerada” por turistas.

Por onde já passamos:

Você trabalha online o tempo todo?

Sim e não ao mesmo tempo! Também reservamos tempo para aproveitar a vida!

No entanto, verificamos e-mail e redes sociais todos os dias. Às vezes é difícil separar a vida profissional da vida pessoal. Tudo se mistura … Mas ao mesmo tempo, nos permitimos momentos diários de “desintoxicação digital” através da prática de desporto, ioga ou meditação.

Freqüentemente, somos questionados se é difícil encontrar uma profissão nômade. A resposta é não. Existem muitas plataformas hoje que permitem o trabalho remoto – desde que você tenha um trabalho adequado.

O nascimento do Planeta Nomad

Depois de muito discutir o assunto, decidimos lançar nossa agência de marketing nômade. Ao mesmo tempo, abrimos um coworking no Borne em Barcelona para nômades digitais.

Foi assim que o Planeta Nomad nasceu. O conceito central é o compartilhamento de experiências e conhecimentos para criar sinergias positivas entre nômades.

Depois de alguns meses trabalhando com o projeto de coworking, percebemos que não bastava prestar um serviço aos nômades digitais, mas que também tínhamos que embarcar no caminho do nomadismo …

Comunidade nômade digital brasil

O Planeta Nomad é antes de tudo um espaço de trocas e interações, pensado para exaltar a criatividade e a liberdade geográfica. Compartilhamos nossa paixão pela diversidade e pluralismo das culturas do mundo. Encontramos felicidade nos pequenos momentos que compartilhamos com todos os apaixonados pela descoberta e pelas viagens.

Criamos o Planet Nomad para acompanhar e compartilhar e compartilhar viagens. Muito mais do que uma única fuga, a viagem dá sentido às nossas vidas. Tornar-se um nômade digital realizou o sonho de uma geração em busca de experiências, realizações e aventuras humanas.

Crie sinergias positivas entre nômades digitais e prospere enquanto viaja. Acreditamos que o desenvolvimento da consciência se dá por meio da interação com civilizações e da experiência de outros povos.

O nomadismo digital é, de certa forma, a realização pessoal e profissional por meio da experiência de viajar.

Grupo no Facebook “Nômades digitais brasileiros”

É o lugar perfeito para encontrar nômades e obter conselhos sobre nomadismo digital.

Antes de escolher o nomadismo digital…

A história de um encontro que a vida oferece a quem está aberto ao desconhecido.

Esta é a primeira pergunta que nos fazem quando encontramos pessoas em nosso caminho. Como um francês e um brasileiro se conheceram e decidiram viajar o mundo juntos? Em geral, nossa história surpreende quase sempre!

Foi no céu, num voo Rio de Janeiro – Madrid que nos conhecemos. Renato havia sido designado para um assento no meio do avião, um local que ele não gostou nada. Então ele viu duas poltronas livres perto das janelas e mudou de lugar. Por sua vez, Michaël havia sido colocado na parte de trás do avião, encostado no banheiro. Um lugar que ele odeia. Ele pediu para trocar de cadeira e a comissária de bordo se ofereceu para ir para onde Renato acabara de se mudar. “Posso sentar aqui? Ele perguntou a Renato. Foi assim que eles acabaram sentando um ao lado do outro…

Em nossa bagagem, tínhamos muitas histórias de viagens para nos contar. Percebemos que nunca tínhamos parado de viajar. Conversamos várias horas. Não tínhamos ideia que aquela decolagem nunca mais teria fim.

Inspire para realizar seus sonhos de liberdade

Compartilhamos essa liberdade adquirida com o nomadismo, por meio do relato de nossas experiências por meio da fotografia, da escrita e do vídeo. Acreditamos que ser nômade não é apenas viver e trabalhar enquanto viaja.

Por trás do conceito de nomadismo está a busca pela liberdade que envolve certas conexões essenciais com a natureza, espiritualidade, consciência, diversidade e “abertura”. Nós os transmitimos em nossas histórias porque fazem parte do nosso estilo de vida.

Estamos atualmente na Espanha e essa jornada não tem fim.

Obrigado por ler nossas mensagens e nos vemos na estrada!

Michaël e Renato.

Inspirez-vous et rejoignez 25K followers 

Rolar para cima